Qual é a principal função de um sistema cliente-servidor?

O uso de um sistema cliente-servidor facilita o gerenciamento e a segurança da rede do que um sistema p2p. Seus servidores dedicados funcionam como um sistema de gerenciamento centralizado no controle de todas as atividades da rede.

Componentes

Um sistema cliente-servidor inclui servidores e estações de trabalho, também conhecidos como clientes. As estações de trabalho são as equipes de usuários da rede, enquanto os servidores são designados para desempenhar funções específicas. Servidores de arquivos contêm todos os arquivos na rede. Servidores de aplicativos contêm todos os programas. Os servidores de email são responsáveis ​​pelos emails que entram e saem da rede. Os servidores de segurança protegem a rede contra invasões ou pirataria não autorizadas. Esses dispositivos incluem servidores proxy, servidores de firewall e servidores antivírus.

Vantagens

Além de ter um método centralizado de gerenciamento de rede, um sistema cliente-servidor permite flexibilidade e escalabilidade. Quando um componente falha, é mais fácil substituí-lo, porque os backups e os métodos de segurança existentes acomodam interrupções e alterações. Se uma rede está crescendo, é fácil adicionar mais equipamentos e adaptar-se às novas tecnologias, porque a transição de toda a rede pode ser alcançada através do sistema de gerenciamento centralizado.

Desvantagens

Para redes pequenas, um sistema cliente-servidor pode ser uma desvantagem, pois é mais caro que um sistema p2p. Um sistema p2p não requer servidores dedicados e programas mais sofisticados para gerenciamento de rede. Além disso, um sistema cliente-servidor depende muito dos servidores para a operação da rede. Quando os servidores estão inativos, a rede também fica inativa.

Referências

 

Você pode estar interessado:

Deixe um comentário