Quais são os benefícios de um chip RFID?

Os chips de identificação por radiofrequência (RFID) são essencialmente etiquetas que contêm uma antena que permite ao chip transmitir e receber transmissões de rádio para e de leitores. Os chips têm usos infinitos, incluindo o rastreamento de qualquer coisa, de produtos, documentos, animais e até humanos. Como os chips RFID podem processar e armazenar informações, eles podem ser facilmente atualizados para manter os dados atualizados. O Congresso considerou vários projetos de lei para exigir esses chips nos cartões de identificação dos EUA, mesmo que eles ainda não tenham encontrado votos suficientes para fazer isso acontecer.

Eficiência

Os chips RFID têm uma vida útil de 10 anos. Ao contrário dos códigos de barras, esses chips têm uma opção de gravação / leitura, portanto é fácil manter as informações atualizadas. Embora os códigos de barras sejam destinados a cerca de 50 bytes de informação, não há limite para a capacidade de dados desses chips. Essa opção de leitura e gravação os torna ideais para armazenar registros e informações de imunização de animais para o proprietário, garantindo que os animais perdidos voltem para casa quando forem encontrados.

Redução de custos

Esses chips também foram implementados recentemente pelo setor de aviação, para rastrear bagagem e equipamento de voo, uma despesa que custa às companhias aéreas cerca de US $ 12 bilhões por ano. Os chips RFID estão sendo aplicados nas lojas cada vez mais também para reduzir a perda e a perda de mercadorias. Como a etiqueta pode ser lida através de ondas de rádio a alguns metros de distância, também é muito mais fácil rastreá-las. Isso significa que uma loja pode potencialmente saber exatamente quantos produtos existem no chão a qualquer momento, sem precisar contá-los individualmente ou digitalizar cada código de barras.

Identificação animal

Os chips RFID foram originalmente projetados para rastrear os animais, embora na época de sua vida útil fosse de apenas algumas semanas a alguns meses. Hoje, a tecnologia RFID é usada para identificar se os animais têm um proprietário, manter seus registros médicos e de vacinação e manter tudo atualizado com a função de ler e escrever.

A biblioteca

As bibliotecas podem usar a tecnologia RFID para acompanhar os livros. Isso não apenas facilita a entrada e saída destes, mas também pode atualizar automaticamente o banco de dados para mostrar o histórico de suas saídas. Como os chips RFID podem ser digitalizados a um máximo de metros de distância, eles podem facilitar muito o trabalho de um bibliotecário e também reduzir o roubo de livros, pois podem ser digitalizados ao sair da porta.

Os seres humanos

O uso de chips RFID em humanos ainda assusta muitas pessoas, pois pode-se dizer que viola os direitos de privacidade de muitas pessoas, embora algumas continuem optando por fazê-lo. Eles têm sido usados ​​principalmente em países estrangeiros onde o seqüestro de crianças é incontrolável, embora recentemente algumas pessoas tenham optado pelo uso de implantes de RFID para ajudar os médicos. Um indivíduo com um chip RFID pode ter todo o seu histórico médico digitalizado na entrada, garantindo a administração do medicamento adequado.

Referências

 

Você pode estar interessado:

Deixe um comentário