Por que a Sprint não usa cartões SIM?

A rede sem fio da Sprint usa a divisão de tecnologia de acesso a vários códigos, que não é compatível com os cartões do módulo de identidade do assinante, mais conhecidos como cartões SIM. Os cartões SIM são um sistema global de tecnologia de comunicações móveis, mais conhecido como GSM, que não funciona com a tecnologia CDMA. Os dispositivos móveis projetados para a rede Sprint não precisam de um cartão SIM para funcionar corretamente.

Tecnologia

Os cartões SIM contêm informações pessoais, como o número da sua conta, nome e número de telefone, que identificam o dispositivo móvel instalado no provedor de serviços. A maioria dos dispositivos GSM não funcionará corretamente se um cartão SIM não estiver instalado e ativado com o provedor de serviços. Os telefones celulares equipados com a tecnologia CDMA, como os destinados à rede Sprint, possuem essas informações pessoais internamente e também precisam ser ativados pelo provedor para funcionar corretamente. Alguns telefones CDMA na América Latina e na China usam um cartão, chamado de módulo de identificação de usuário destacável, que é semelhante e executa as mesmas funções que um cartão SIM.

Vantagens

A rede Sprint CDMA oferece várias vantagens, mas também apresenta desvantagens. Diferentemente das redes GSM, como as usadas pela AT&T e pela T-Mobile, a rede Sprint CDMA usa uma tecnologia que estende as transmissões de voz e dados por uma largura de banda maior que a largura de banda. que a mensagem original ocupava. Essa largura de banda maior permite que mais usuários acessem uma torre de celular quando os dados são transmitidos, permitindo que a torre determine quando sua capacidade é atingida. A torre determina quando sua capacidade é atingida quando a qualidade das chamadas ou da transmissão de dados começa a se deteriorar, quando as transmissões sem fio são roteadas para outra torre próxima. A tecnologia CDMA é freqüentemente chamada de tecnologia “spread spectrum”,

Desvantagens

Os telefones Sprint CDMA não oferecem a conveniência que os cartões SIM oferecem quando se trata de trocar de dispositivo. Por exemplo, um cartão SIM suporta a adição de informações de contato, como números de telefone e endereços de e-mail, o que permite transferir esses dados para outro dispositivo, simplesmente inserindo o cartão no novo telefone. Uma vez instalado, o novo telefone integra automaticamente os dados ao seu aplicativo de catálogo telefônico. Ao alternar de um telefone CDMA para outro, você precisará transferir os dados manualmente ou com o perfil da agenda telefônica Bluetooth, que deve ser instalado nos dois dispositivos.

Considerações

A Verizon Wireless é o outro grande provedor nacional de serviços que usa a tecnologia CDMA em sua rede nacional, facilitando a troca de fornecedores do seu telefone Sprint para a Verizon, ou vice-versa, do que para a AT&T ou T- Celular Embora a maioria dos telefones seja projetada para uma empresa específica, você pode desbloquear o telefone de um provedor para funcionar em outra, adquirindo um código que, quando digitado, permite que o telefone funcione em outra rede. Isso só é possível com provedores que usam a mesma tecnologia de rede.

Referências

 

Você pode estar interessado:

Deixe um comentário