Como escrever uma carta com firma reconhecida nos Estados Unidos

Nos Estados Unidos, um notário público atua como testemunha oficial da assinatura de documentos e escritos importantes. Você pode precisar de um notário público para atestar sua assinatura e provar que assinou uma carta, como um formulário de consentimento ou permissão relacionado à escola do seu filho. Uma carta legalizada expressa os fatos essenciais e fornece espaços para o autor da carta e o notário adicionarem suas assinaturas na presença do outro.

Passo 1

Escreva sua carta como escreveria qualquer carta formal, com seu endereço no canto superior direito, o nome do destinatário e o endereço dele à esquerda e depois o dia e a data à direita.

Etapa 2

Explique os fatos necessários de forma clara e concisa na carta. Pode consistir em uma ou duas declarações. Por exemplo: “Dou permissão ao meu filho, David Andrew Jones, para participar do campeonato estadual de atletismo, de sexta-feira 13 a segunda-feira, 16 de abril de 2010”.

Etapa 3

Escreva seu nome e função, como “pai ou responsável”, no final da carta, deixando espaço acima para sua assinatura.

Etapa 4

Escreva abaixo da carta: “júri e assinado perante mim, um notário público, o dia do ano ___”, deixando espaços em branco suficientemente largos para que o notário marque o dia, mês e ano.

Etapa 5

Nota: “notário público no e para o condado de , estado de “, deixando espaço para o notário adicionar o condado e o estado.

Etapa 6

Ele escreve: “assinatura e selo do notário”, deixando cerca de quatro linhas acima para o notário adicionar sua assinatura e selo.

Etapa 7

Imprima a carta e leve-a ao notário. Assine-o em sua presença e peça-lhe para assinar e selar a carta onde indicado.

Referências

 

Você pode estar interessado:

Deixe um comentário